Bio-psia

Tiago Alves Costa [Vila Nova de Famalicão, 1980]

Publicou: w.c constrangido (2012), Mecanismo de Emergência (2016) obra que obteve menção de honra no Prémio Internacional de Poesia Glória de Sant´anna, e Žižek vai ao Ginásio  (2019), A sua obra poética foi antologizada na “Antologia de Poesia Iberoamericana Actual“.

Encontram-se textos seus em Portugal, Galiza, Espanha e no Brasil (Ruído Manifesto, Literatura Fechadura, Cintilações III, Contos Estraños, Sem Equívocos, Luzes).

A Porta do Reconhecimento a sua primeira experiência em narrativa breve, foi premiada na 27º edição do Certame de Narración Breves Manuel Murguía (Arteixo, Galiza).

É colaborador da revista tradução Asymptote Journal. Actualmente é editor e co-director da revista Palavra Comum.

Participou em diferentes conferências literárias como o Raias Poéticas, no qual exerce como curador para a Galiza. Foi ainda representante lusófono convidado para o congresso ‘Nós tamén navegar. 40 anos de poesía galega. 1976-2016” e no curso de verão da Universidade de Santiago de Compostela “Galego: Porta aberta para o mundo.

É professor convidado das EOI da Galiza para cursos de escrita criativa. E o primeiro português a fazer parte da Asociación de Escritoras e Escritores em Lingua Galega (AELG).

É licenciado em Publicidade com uma pós-graduação em Criatividade e Inovação pela Tompkins Cortland Community College (E.U.A).

Vive na cidade da Corunha.

tweet @MartinhoDanta