Apresentação de Žižek vai ao Ginásio no Instituto Camões de Vigo

Na próxima quinta-feira, dia 17 de setembro, às 19h30, terá lugar no Instituto Camões de Vigo a apresentação “ŽÍŽEK VAI AO GINÁSIO” . A apresentação será acompanhada pelo cineasta galego, Roi Fernandez, que produziu o filme-poema “Os Americanos” para este livro.

Filipe Campos Melo sobre “Žižek vai ao Ginásio”

“Antes de me conhecerem, devem primeiro conhecer as minhas palavras” I. Da Arquitetura Oblíqua Uma “Pessoa-Estátua” observa a realidade estática de um mundo decaído num desconcerto –uma ética (inumana) alicerçada numa arquitetura oblíqua Esse “Eu-Estátua” – meramente contemplativo, é um ser desprovido da força necessária,necessariamente morrente “de pasmo” A imobilidade gera um aglomerado de gente…

Sara F. Costa sobre “Žižek vai ao ginásio”

O livro de poesia do Tiago começa com aquela cena do Fight Club em que o Brad Pitt incendeia o apartamento do Edward Norton e eu diria que esse é um excelente começo. O medo de perder a “vida-dinheiro”, isto é “Tudo aquilo que juntara enquanto se movia”. Para o autor, o cogito de Descarte…

Teresa Moure sobre Žižek vai ao ginásio

(…) Sento-me, irrequieta, a escrever o prólogo de Zizek Vai ao Ginásio. Tento abandonar-me ao imenso prazer de ler um poemário comovedor, estimulante, que, às vezes, até faz com que sorria. Contudo, o prólogo não nascerá dessa vontade de expressar o que me move quando escrevo. Foi solicitado pelo autor, meu amigo, que talvez queira…

Poema-leitura-diálogo sobre Žižek vai ao ginásio | Ramiro Torres

O poeta lança a luza sua língua incendiária,atravessa o sol hipnóticocom um poema nos lábiosenquanto a realidade levantao seu voo e arde nos olhos,como um animal anterioràs formas estourando entreas mãos fecundadas nestaestranha música fascinada:alça a voz a beleza desnudano ritmo puro das palavras,aves de um fervor paradisíaconascendo no nosso assombro. Ramiro Torresdezembro 2019